21/08/2012

Podando a Videira


Homens não são árvores, mas metafóricamente damos frutos. Tais frutos estão em seu sentido espiritual, naquilo que pode edificar sua vida e a vida do próximo. Os frutos também possuem sementes que espalham pelo solo fértil de corações piedosos a Palavra de Deus que cresce para a glória do Pai.

O Texto de João 15.1-5 nos fala que não estando em Cristo, isto é, sendo incrédulos, não podemos produzir frutos dignos de arrependimento. Quando Jesus fala sobre "toda vara em mim, que não dá fruto" respondia a uma pergunta de Judas Iscariotes que perguntou "Senhor, de onde vem que te hás de manifestar a nós, e não ao mundo?" Judas não estava enxertado em Cristo embora estivesse nele por mero ajuntamento ao grupo dos discípulos. 

O que o Iscariotes desejava era um messias político e não o Salvador(João 14:22). Judas seria cortado da videira porque estava apenas superficialmente ligado a Cristo. É necessário que nos liguemos a Cristo em alma, através da conversão para que sejamos limpos de nossos pecados, justificados e santificados.

Para sermos ramos limpos da videira é necessário que vivamos a Palavra de Deus. Não podemos ser como Judas, meramente pousado sobre a videira mas sem raízes que alimentam a vida espiritual.

Existem muitas pessoas em superficialidade na vida Cristã, que não se aprofundam em buscar servir a Deus essencialmente e que por essa superficialidade, sem compromisso, sem genuina conversão, serão cortados e lançados fora no dia do juízo. Um ramo superficial não aguenta a poda pois não tem vida em si mesmo, mas o ramo enxertado na videira pode ser podado, talvez até sofrendo um pouco, mas no tempo certo dará frutos.

Judas era o ramo encostado na videira, e nós o que somos? É importante que nos enraizemos na videira para vivermos a partir de sua seiva, da água da vida. Viva na videira, de forma profunda e não meramente encostada, pois assim os seus frutos, mesmo que passando pela poda, e até por passar por ela, serão frutos agradáveis a Deus.

 Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.

Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.

Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.

Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.

Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.




Webgrafia:

Biblia Sagrada. João 15.1-5. Almeida Corrigida e Fiel. Disponível em <http://www.bibliaonline.com.br/acf/jo/15/1-5> acesso em 21/08/2012


Marco Teles
B.el Teologia | Pedagogo
Casado com Lucimar