01/06/2012

A resposta correta

Hoje a SBB mandou por newsletter uma porção bíblica de Atos 4.1-12. Me chamou atenção a pergunta das autoridades a Pedro e João sobre "Com que poder ou em nome de quem vocês fizeram isso?" Pedro e João não só afirmaram que foi em nome de Cristo como também informou as autoridades que eles haviam crucificado o Filho de Deus.

Ora, Pedro e João parecem meio atrevidos com as autoridades, mas lembremos que eles estavam cheios do Espírito Santo. O Espírito de Deus lhes concedeu o que deveriam falar naquele momento. Veja o que nos diz Jesus Cristo:
Mas, quando vos entregarem, não vos dê cuidado como, ou o que haveis de falar, porque naquela mesma hora vos será ministrado o que haveis de dizer. Mateus 10:19
Pedro e João nos mostram que as respostas vindas de Deus são imprevisíveis para a lógica social da humanidade. É bem verdade que em outros momentos os apóstolos referiram-se as autoridades com menos ímpeto, mas de qualquer maneira como o Espírito Santo lhes concedia.

Isso me faz lembrar que quando estamos em dificuldades, geralmente ficamos matutando como resolver ou responder naquela situação limite. Isto é ansiedade, Jesus nos orienta a não ficarmos ansiosos pois Deus nos dá a provisão de cada dia.
Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? (Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Mateus 6:31-33
A ansiedade é coisa de ímpio, de quem não confia em Deus, mas a nossa carne milita contra o Espírito e ficamos ansiosos, meditando antecipadamente como responder ou agir. Observe que Jesus não diz para que não nos preparemos conhecendo os assuntos, as pessoas e lugares onde atuaremos, ao contrário, é bom ter preparo. O que devemos ter cuidado é com as antecipações de resposta ou ações antes que o mal aconteça.

Confiemos em Deus, sejamos pró ativos, mas deixemos que Ele nos conduza nas lutas, pois só Ele é o Deus da vitória.
Não vos inquieteis, pois, pelo dia amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal. Mateus 6:34


Marco Teles
B.el Teologia | Pedagogo
Casado com Lucimar