07/07/2011

Qual é o seu fundamento?


Casa soterrada pelas areias das dunas
Foto por P.A. no Flicker
















Hoje li um livro sobre pedagogia que tratava da sociedade da informação, na qual vivemos. Chamou-me atenção uma citação que constata que o fundamento dessa nova sociedade é um "fundamento sem fundamento". Achou estranho? Não é. Vamos entender o contexto.

O autor fala de um padrão de pensamento científico do tipo causa-efeito que domina a produção de conhecimento da sociedade até hoje. O famoso pensamento cartesiano, onde tudo deve ser verificado objetivamente. Para o autor deve-se partir para um pensamento mais elaborado onde se permita especular a partir da incerteza para produzir conhecimento. Não vou discutir o mérito da questão, basta apenas saber que a sociedade atual baseia-se num "fundamento sem fundamento". Não é isso que Cristo nos oferece.

Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha.
E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia;E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda. Mateus 7.24-27

O fundamento sólido para uma sociedade ou individuo é Cristo. Não há outro. "Fundamento sem fundamento" é fundamento sem Cristo. Não queremos isso, mas existe muita gente desejosa disso.

Os multiplos e diferentes ataques contra a família e a igreja são prova de que uma sociedade sem fundamento é intolerante com os que tem firme fundamento. Muita vez tratam os cristãos de arrogantes, fundamentalistas (até sem saber o que é isso!). Pior ou melhor, tem cristãos que compram a briga. Eu os apoio, mas meu pendor é falar do Evangelho de forma mais particular ao individuo do que à sociedade.

É a você que lê neste momento que convido a estabelecer um novo fundamento em sua vida. Aceite Cristo como a pedra angular, a rocha dos séculos. Saia da areia, movediça, que se encontra a sociedade atual e faça toda diferença para sua alma e muitas outras.

Como você pode perceber, firmar-se no fundamento não é fácil, pois os que se perdem escoando pela areia tentam nos arrastar num agarrar desesperado por qualquer ponto de apoio, mas rejeitam o único que é fundamental: Cristo.

Não rejeite a Cristo. Esteja firmado sobre a rocha e não sobre as efêmeras, escorregadias e incapazes dunas de areia que apoiam o mundo sem Deus.