31/07/2011

O que significa o descanso de Deus


Genesis 2.1-3 diz que Deus terminou a criação ao sétimo dia e descansou, santificando aquele dia. Ora, se Deus é infinito e fonte inesgotável de poder porque descansou? Penso que Deus descansou para dar liberdade ao homem. Vamos refletir sobre isso.

No texto citado vemos que Deus descansou de toda a obra que tinha feito, incluindo a humanidade, o jardim do Éden e a arvore do conhecimento do bem e do mal. As narrativas de criação do homem e da mulher nos versículos seguintes, são retrospectivas ao descanso de Deus. Do contrário, haveriam mais dias de criação. Mas foram seis dias intensos de criação e cuidado de Deus com Adão e Eva. Quando se diz que Deus criou o homem, significa que criou a humanidade como macho e fêmea.

Santificação significa separação para Deus. A palavra hebraica traduzida por descansar pode significar também uma pausa no trabalho. Deus não estava cansado, pois isso não existe para Ele, apenas fez uma pausa.

Antes de sua pausa, Deus ordenou a única proibição ao homem. O homem é a semelhança de Deus, portanto é um ser moral. Um ser moral precisa limitar a si mesmo para realizar-se como tal. Deus limita a si mesmo quando não pode negar a si mesmo ( 2 Timoteo 2.13 ). Cessando seu trabalho e estabelecendo um dever moral Deus estabelecia a máxima liberdade. Se o homem não fosse moralmente livre, até para escolher ser fiel a uma determinação moral, seria incoerente dizer que Deus criou o homem a Sua imagem e semelhança.

A coerência bíblica é perfeita. Se Deus não cessasse seu trabalho, mesmo que por um momento, o homem obedeceria por coerção da presença da autoridade, mas não foi isso que aconteceu. No momento em que Deus "descansa" para liberar o homem moralmente é aí que o Diabo tenta a humanidade. A queda foi espiritual e moral ao mesmo tempo, haja vista que a espiritualidade está ligada a moralidade, a verdade, a virtude.

Deus ainda hoje nos mantém livres para escolher porque somos semelhantes a Ele, porque nos ama muito e por isso não deseja que o sirvamos como que por violação da liberdade. Deus quer que o sirvamos por consciência e amor. Deus quer servos moralmente livres, santos por opção de se entregar a Cristo. A santidade não é um esforço, pois se assim fosse seria um trabalho. Trabalho é apenas uma série de procedimentos produtivos, a santidade é uma questão espiritual e moral que está muito além de qualquer produção. Exatamente por isso a Salvação não pode ser alcançada por obras.

Desejamos nos aproximar de Deus? Vivamos moralmente como Ele nos orienta. Não uma moral meramente social, mas espiritual, onde os frutos do Espírito ultrapassam qualquer fruto carnal.


WEBGRAFIA:

Biblia Sagrada,ACF. Genesis 2. Disponivel em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/gn/2 acesso: 31/07/2011

Bíblia Sagrada, ACF. 2 Timóteo 2.13 Disponivel em http://www.bibliaonline.com.br/acf/2tm/2/13+ acesso: 31/07/2011

Você é a imagem de Deus. http://www.abibliaevoce.com.br/2008/06/voc-imagem-de-deus-seja-tambm.html