13/11/2010

Um pobre no Leblon

Rio de Janeiro Ipanema & Leblon 173 Feb 2006
Hoje levei minha filha adolescente num evento no Leblon. Fiquei meio intrigado porque a pele das pessoas não era normal. Normal, digo, igual a de pobre. As pessoas não eram mais bonitas do que qualquer brasileiro, mas pareciam ter saído de algum tipo de tubo de conservação. E eu com minha pele escarificada pela vida teria cara de suspeito, pensei.

Alguém me disse que isso é o tal de peeling. É como descascar a pele morta e deixar a melhor camada à mostra. Claro que isso custa dinheiro, e muito. Lembrei da música que fala dos "inocentes do Leblon", quem poderia ser considerado mais inocente?

É uma inocencia aparente. E muito aparente. Mas será que aparência garante inocência? Talvez ali estivesse alguém, tão inocente, que também arrancasse a pele de seus funcionários para pagar seus "peelings". Injustos existem em todo lugar, e justos também, portanto não quero generalizar, apenas especular.

Hagar, concubina de Abraão, foi enviada para um lugar diferente. Não foi o belo bairro do Leblon mas o deserto, para a morte, e Deus a salvou: "E ela chamou o nome do SENHOR, que com ela falava: Tu és Deus que me vê; porque disse: Não olhei eu também para aquele que me vê?" ( Gênesis 16:13) Deus vê o coração do homem, que está além da pele. Nós vemos o exterior, Deus vê o interior do homem.

Pensemos sobre o que buscamos em nossa vida: somente boa aparência física ou demonstramos a Cristo em nossas vidas? Não estou condenando a boa aparência física, mas enfatizo que o principal é espiritual. Todos podem, de modos honestos ou não alcançar boa aparência, mas quando a morte vem, a aparência terrena se corrompe, mas a espiritual conserva-se para sempre.

Não se preocupe se você não tem a aparência que deseja. Não se preocupe também se você tem como alcançar aparência melhor. Preocupe-se com sua essência espiritual, que é conseguida pela fé em Cristo em nada mais. Não existe peeling espiritual, mas existe transformação em nova criatura, em Cristo, que alcança nova natureza, capaz de viver no mais lindo lugar, o céu.

"Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os que o amam" ( 1 Coríntios 2:9)