07/05/2010

O Cristão de Sucesso

Esforça-te e tem bom ânimo! É um texto muito usado como auto-ajuda por quem não se detém na apreciação do texto, mas não é essa sua finalidade. Nos dois versículos que destacamos vemos que o esforçar-se refere-se à dedicação à Palavra de Deus, em segui-la verdadeiramente. Há pessoas que esforçam-se para muitas coisas baseadas numa interpretação errada desse texto, mas não esforçam-se em ser fiéis à Palavra de Deus. Observe o versículo 8 e discirna se não faz sentido:

Josué 1.8 Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido.

Muitos focam apenas na parte final do versículo que diz: "farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido" e logo atrelam ao sucesso mundano. Há sucesso para o cristão mas ele não é baseado em marketing ou administração de empresas, ao contrário. Um cristão de sucesso é o que segue a Palavra de Deus, meditando nela de dia e de noite. Alguns dizem meditar na Palavra de Deus como "livres pensadores", mas isso não existe. Quem medita na Palavra de Deus não pode buscar um "livre pensar" mas sim um pensar que se conforme às escrituras e não à nossa liberdade imaginativa ou intuitiva. Ninguém prospera de verdade, como cristão, se não segue a Palavra de Deus. Muitos prosperam e se dizem cristãos, mas o que os move é o culto à prosperidade e não a obediência à Palavra de Deus.

Deus ainda repete a ordem:
Josué 1.9 Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.

Deus quer que nos esforçemos em obedecer a sua Palavra. Obedecer a Palavra de Deus num mundo pecador nos leva a vários riscos e dificuldades, assim como foi no tempo de Josué. Talvez nossas batalhas não sejam corpo a corp, mas com certeza são espirituais também. Para vencermos as batalhas da vida e ser cristãos de sucesso devemos ser fiéis a Palavra de Deus, coisa cada vez mais rara no meio evangélico. Muitos alcançam sucesso e são mais fiéis a seu objeto de sucesso do que ao provedor de sucesso. O culto ao sucesso mundano tem descaracterizado a fé cristã para muitos tornando-os meros repetidores de palavras de ordem. Deus enfatiza que o verdadeiro sucesso do cristão consiste em seguir a sua Palavra e não nas bênçãos que recebemos, pois Deus abençoa justos e injustos (Mateus 5.45), mas os justos seguem sua Palavra.