09/01/2010

Rastejar ou Voar?

20 E disse Deus: Produzam as águas abundantemente répteis de alma vivente; e voem as aves sobre a face da expansão dos céus. 21 E Deus criou as grandes baleias, e todo o réptil de alma vivente que as águas abundantemente produziram conforme as suas espécies; e toda a ave de asas conforme a sua espécie; e viu Deus que era bom. 22 E Deus os abençoou, dizendo: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei as águas nos mares; e as aves se multipliquem na terra. 23 E foi a tarde e a manhã, o dia quinto (Gênesis 1.20-23)

Castro Alves em seu poema Navio Negreiro escreve: “Stamos em pleno mar. Dois firmamentos ali se estreitam num braço insano. Qual dos dois é o céu? Qual o oceano?” Esta era a visão do poeta de pessoas que eram transportadas para perder a liberdade, onde os firmamentos se encontram só existia para ele esperança de insanidade. É assim para toda alma sem a Esperança da Salvação que só encontramos em Jesus.

No quinto dia da criação Deus cria as aves que podem voar até o estreitamento dos firmamentos, nós sempre queremos ver além de nossas próprias fronteiras, mergulhar mais fundo, voar mais alto, imitar a criação de Deus. O Senhor também cria os répteis que não são própriamente a mesma classe de animais que entendemos hoje é ampliada para anfíbios e outros animais rasteiros.

Tïramos lições desse texto Bíblico:

  • Ele nos dá coragem para ir além de fronteiras que tememos, se confiamos nEle e fazemos sua vontade. Ninguém irá muito longe se não confiar em Deus, e mesmo que vá longe nessa terra não alcançará a vida eterna sem Jesus.
  • Deus criou animais que voam e que rastejam. Através da Escravidão ao pecado nos encontramos em situações baixas, como répteis, mas ainda assim somos criaturas de Deus. Não basta ser criatura de Deus é necessário ser filho de Deus, pela fé em Jesus. Por mais alto que as aves voem não podem se encontrar com Deus, mas nós, meros humanos somos mais valiosos do que pensamos e podemos nos encontrar com Deus se tivermos fé nele conforme a Bíblia nos ensina.

O que você deseja? Ser apenas uma criatura que pode imitar as aves, os peixes e dominar o mundo? Ou ser filho de Deus que se deixa dominar pelo Senhor para encontrar a Vida Eterna?

Faça sua escolha.