04/01/2010

O quarto dia da criação

Ouça este texto em português |


No estudo de hoje abordaremos o quarto dia da criação. Os luminares foram criados nesse dia ou não? Alguns pensam que a luz que havia antes era o próprio Deus, mas o texto não diz isso, diz apenas que havia luz sem destaca-la como emanação de Deus. Como vimos nos estudos anteriores provavelmente a terra era um ambiente nublado o que não impediria que os luminares já existissem e que simplesmente Moisés, em sua visão, narrou o que pode observar. Provavelmente no quarto dia os luminares tornaram-se visíveis num céu sem nuvens. Outra coisa que podemos observar é que referir a luz existente desde o primeiro dia da criação como Deus, é incoerente com a própria naureza onipresente de Deus. Se Deus é onipresente e se Ele era a luz referida não poderia haver dia e noite, pois isso seria dizer que Ele está presente em um lugar e em outro não, pois a noite seria a ausencia da Luz que segundo tal interpretação era Deus, portanto, essa argumentação é incoerente com a natureza onipresente de Deus.

Então qual é a melhor resposta? Moisés faz uma narração linear da criação mas não algoritmica, como se fosse um programa de computador. A narração segue a observação de quem vê os fatos de algum plano na terra, os astros não foram avistados antes do quarto dia mas poderiam ter sido criados antes e avistados apenas quando a visibilidade permitiu. Vemos a luz sob céu nublado mas não vemos o sol ou a lua, dizemos até que “hoje não vai fazer sol” do ponto de vista de observadores com semântica parecida a utilizada por Moisés.

É importante notar no texto que os astros, o sol, a lua e as estrelas foram feitos com utilidade no conjunto da criação: marcar as estações, dias, anos e iluminar a terra. São coisas criadas e não podem para ser adoradas no lugar do Criador. Continua-se também neste versículo mostrando a ligação e plano de Deus em toda sua criação.

Notamos uma aplicação importante para nossa vida sob a interpretação que expusemos: as vezes não podemos ver com toda clareza a ação de Deus em nossa vida, mas ela está acontecendo e somente quando momentos nublados de nossa vida já passaram é que podemos ver a ação orientadora e provedora de Deus. Quantas vezes já experimentamos isso? No meu caso, muitas vezes. Isso mostra como Deus é maravilhoso e cuida de nós apesar de nossa limitação humana. É importante sabermos que Deus não está preso a nossos procedimentos e que tudo que Ele faz é bom.




Nos Links abaixo há traduções automáticas do texto. Embora façamos uma revisão simples, não somos profissionais de idiomas por isso pedimos paciência com qualquer erro quanto às traduções disponíveis.



Ouça este texto em Español

Estudiaremos hoy, el cuarto día de la creación. Las estrellas fueron creados en este día o no? Alguien puede pensar que la luz era El Dios, pero el texto no lo dice, dice que fue la luz, la luz no era una emanación de Dios. Como se ha visto en estudios anteriores, probablemente la tierra era una turbia y que las luces ya existen y simplemente Moisés en su visión, narró lo que puede ser observado. Probablemente, en el cuarto día, la luz se hizo visible en un cielo sin nubes. Otra cosa que notamos es que se refierir a la luz existente desde el primer día de la creación como Dios, es incompatible con la naturaleza omnipresente de Dios. Si Dios es omnipresente y fue la luz no podría ser de noche y de día, porque esto significa que Él está presente en un lugar y no en otro, por la noche sería la ausencia de luz y de Dios según esta interpretación, por lo que este argumento es incompatible con el carácter omnipresente de Dios.

Entonces, ¿cuál es la mejor respuesta? Moisés hacer una narración lineal de la creación, pero no como un algoritmo, como un programa de ordenador. La historia sigue la observación de que ve los hechos de un plan en la tierra, las estrellas no fueron detectados antes del cuarto día, pero podrían haber sido creados antes y visión de futuro sólo cuando la visibilidad permitida. Nosoros, hoy, vemos la luz bajo un cielo nublado, pero no ver el sol o la luna, y podemos decir que "hoy no tener el sol" en el punto de vista de los observadores, con una semántica similar a la utilizada por Moisés.

Es importante señalar en el texto que el sol, la luna y las estrellas se hicieron para uso de toda la creación: la marca de las estaciones, días, años e iluminar la tierra. Son las cosas creadas y no para ser adorado en lugar del Creador. Este versículo también para demostrar la conexión entre el plan de Dios y toda su creación.

Tomamos nota de una aplicación importante para nuestras vidas bajo la interpretación que figuran: a veces no se puede ver muy claramente la acción de Dios en nuestras vidas, pero que está pasando y sólo cuando nubes momentos de nuestras vidas han pasado, podemos ver la acción de orientación y el proveedor de Dios. ¿Cuántas veces has experimentado esto? En mi caso, muchas veces. Esto muestra cómo Dios es maravilloso y nos cuida a pesar de nuestras limitaciones humanas. Es importante saber que Dios no está obligado a nuestros procedimientos y que todo lo que hace es bueno.


Listen the text in english

We study, today, the fourth day of creation. The stars were created in this day or not? Somebody can think wich the light was the God, but the text does not say it, says was light, the light was not an emanation of God. As seen in previous studies probably the earth was a cloudy and wich lights was already exist and simply Moses in his vision, narrated what can be observed. Probably the fourth day the lights became visible in a cloudless sky. Another thing we notice is that refer to existing light from the first day of creation as God, is inconsistent with the omnipresent nature of God. If God is omnipresent and He was the light dont could be night and day, because this mean that He is present in one place and not in another, for the night would the absence of light and of God second this interpretation, so this argument is inconsistent with the ubiquitous nature of God.

So what is the best answer? Moses make a linear narrative of creation but not as an algorithm, like a computer program. The story follows the observation of one who sees the facts of a plan on earth, the stars were not spotted before the fourth day but could have been created before and sighted only when visibility permitted. We see the light under cloudy skies but not see the sun or the moon, and we to say that "today not have sun" from the standpoint of observers, with semantics similar to that used by Moses.

It is important to note in the text wich the sun, moon and stars were made to use the whole of creation: mark the seasons, days, years and illuminate the earth. Are created things and not to be worshiped in place of the Creator. This verse also to show the connection between the plan of God and all His creation.

We note an important application for our lives under the interpretation that we set out: sometimes can not see very clearly the action of God in our lives, but it is happening and only when cloudy moments of our lives have passed we can see the action guiding and provider of God. How many times have you experienced this? In my case, many times. This shows how God is wonderful and cares for us despite our human limitations. It is important to know that God is not bound to our procedures and that all He does is good.