01/10/2009

ESTENDE A TUA MÃO

A voz de comando soou outra vez nos ouvidos de um homem oprimido em seu ambiente religioso, mas que por algum motivo estava entre pessoas que professavam a mesma fé, mesmo que isto lhe custava zombarias e desprezo. Era um homem deficiente físico, com sua mão direita retraída, ressecada, o que fazia dele, diante dos conceitos religiosos de sua sociedade, um homem pecador, desprezado, incapaz de ter comunhão com Deus. A voz de comando soou novamente em seus ouvidos porque já soara poucos instantes antes e era a voz do Senhor Jesus Cristo que, ensinando em uma sinagoga, interrompeu os estudos, olhu para o homem e ordenou que fosse para o meio daquele lugar de reunião, colocando-se no centro das atenções. Ele havia obedecido. Apesar de todas as dificuldades psicológicas geradas pelo seu próprio sentimento de inferioridade e pela discriminação que sofrera durante a sua vida inteira, obedecera a voz daquele que lhe ordenara: "Levanta-te, e fica em pé no meio." Agora estava recebendo uma ordem muito mais difícil de ser cumprida: ele teria que estender a sua mão e expor publicamente a marca da sua "inferioridade". Provavelmente durante toda a sua vida a houvesse escondido entre suas vestimentas com a intenção de não chamar muito a atenção. Provavelmente quando Jesus o chamou para o meio estivesse com a mão escondida pois, do contrário, não estaria ali por ser considerado um pecador. Teria que se expor. O chamado soava, de alguma maneira, com autoridade impressionante. Obedeceu novamente e estendeu a sua mão. Olhares críticos se voltaram para ele e se voltaram, também, para quem deu a ordem. Era Jesus, aquele que curava as multidões. Mas era um sábado, um dia de descanso, teria ele coragem de curar em um dia de descanso? O ato obediente de estender a mão para Jesus transformou a vida daquele homem. Imediatamente sua mão ficou curada. Imediatamente passou da condição de pecador para perdoado. Imediatamente passou a ter acesso direto aos lugares onde a adoração a Deus se realizava. E tudo isto porque obedeceu à voz de Jesus, mesmo não sendo explicado a ele o que aconteceria, e estendeu a mão para aquele a quem foi dado todo o poder nos céus e na terra. Hoje não é diferente. A voz de Jesus continua sendo ouvida através dos seus pregadores, através da leitura das suas palavras registradas na Bíblia e qualquer que obedecer atendendo a ordem de Jesus, ficará curado dos seus pecados e terá uma nova vida em Cristo. (Leia Lucas 6:6-11) Pr Dinelcir de Souza Lima