05/07/2009

Tudo é possível?

Li na fachada de uma igreja: "Nada é impossível". A frase chama a atenção com forte apelo, mas tem dificuldades teológicas, pois há coisas impossíveis até para Deus. Só para citar uma impossibilidade, Deus não pode negar a si mesmo. Deus pode fazer coisas impossíveis para nós mas mesmo Ele estabeleceu impossibilidades para si. Por que então essa febre de onipotência da fé graça entre igrejas? O motivo pode parecer estranho, mas tem origem no paganismo. Para muitas doutrinas pagãs, o homem pode alcançar tal "evolução" espiritual que se torne um deus. Esse tornar-se um deus é insatisfação com a própria incapacidade de fazer o que sonha e almeja. Sonhamos tão alto, almejamos tanta coisa... Talvez porque Deus não nos criou para este mundo pecador, mas para um mundo que nós mesmos deixamos quando os primeiros humanos quiseram ser iguais a Deus. Já tínhamos coisas demais, tudo perfeito, mas queríamos o impossível para nós. Fazemos o mesmo hoje: Não nos contentamos com as possibilidades que Deus nos dá e queremos que possibilidades ultrapassem o que somos, talvez de maneira inconsciente, tentando tomar o lugar de Deus. Ora, se há impossíveis para Deus, também há para nós e em proporção infinita. É muito melhor e coerente com a vida cristã aceitar impossibilidades que Deus nos permite por sua sabedoria, do que pensar que nossa condição de crentes é ilimitada, pois se pensarmos assim, seremos espiritualmente limitados.