25/07/2009

O Segredo do Abismo

Pro 18:12 Antes da ruína eleva-se o coração do homem; e adiante da honra vai a humildade.
Quantas pessoas conhecemos ou temos notícia que, no auge de sua vida profissional ou mesmo ministerial, cairam de forma vertiginosa. Quando examinamos detalhadamente os motivos, observamos que o orgulho foi ponto crucial da queda. O segredo do abismo que traga as pessoas é deixa-las tão confiantes até que se aproximem perigosamente dele. Pode-se notar isso até mesmo em esportes coletivos, onde o mais importante é o time não o indivíduo em si. Os torcedores dos times de futebol têm reclamado da mediocridade que impera em partidas que deveriam ser clássicos do esporte. Atribuo essa mediocridade ao marqueting exagerado em poucos indivíduos, preterindo a equipe. No início tudo são flores, o "ídolo", "craque", parece fazer a diferença mas com o tempo o time não quer jogar para um cara só aparecer, e logo aquele que era o grande simbolo da torcida vira alguém descartável.
Em igrejas também acontece a mesma coisa. Um pastor posa de "craque", coloca seu nome até na fachada da igreja, eleva-se a posições de autoridade criadas exclusivamente para si dentro da hierarquia da denomicação, pensam que são muito experientes e que são águias de sagacidade observando as ovelhas negras que tentam perturbar seus rebanho. Mas esquecem que uma águia não aguenta voar carregando um carneiro adulto. E quando tais pastores caem é devido a sua soberba que o impediu de medir a força de suas asas.
Mas provérbios nos diz também que " adiante da honra vai a humildade". Jesus foi o maior exemplo de humildade durante seu ministério terreno tomando a forma de servo. Após sua morte e ressurreição foi exaltado sobre todos e sobre tudo.
Há promessas de exaltação neste mundo, que prometem exaltação fácil, que mostram como seu marketing pessoal pode ser eficiente, que devemos ser autoconfiantes e crer que conseguiremos tudo, mas são apenas mentiras. Esse marketing maléfico é usado inclusive por falsas igrejas. Jesus nos mostra que para ser exaltado necessitamos de humildade e de submissão à vontade de Deus. Não podemos submeter Deus à nossa vontade, pois é impossível. Não podemos manipular outras pessoas para conseguir o que queremos.
Devemos encarar dificuldades na vida confiando em Jesus que nos exaltará no seu devido tempo, e não quando queremos. Ser cristão não é ser orgulhoso e ter tudo o que deseja, mas é ser humildemente submisso a Deus. Ser humilde é ser como uma criança inocente e não um despota mimado. É estranho quando vemos testemunhos de riquezas conseguidas
2007EF032.jpg
como alegadas bênçãos de Deus, riquezas tão abundantes que chegam a ser absurdas e desnecessáias, sendo possível até duvidar da origem de tal testemunho. Seria até interessante que tais "abençoados" permitissem investigações em sua vida financeira para comprovar a
bênção, não basta mostrar os bens é necessário provar de onde eles vêm. Para quê alguem que não tinha nada passaria a ter milhoes de uma hora para outra? Porque será que mesmo conhecendo pessoas que defendam essa teologia, nenhum desses milionários tem ligação ao nosso relacionamento pessoal construido como história em comum? Devemos deixar de pregar as riquezas da terra para pregar as riquezas incorruptíveis do céu.
Quando somos humildes e confiamos nas riquezas de Deus sabemos que somos ricos espiritualmente e provamos disso a cada dia, mesmo que no mundo não possamos ver o brilho das ruas de ouro, ou as pedras preciosas dos portões celestiais, pois são só figuras para que entendamos que grandes "coisas que olhos não viram, nem ouvidos ouviram, nem penetraram o coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam."
A figura da cachoeira apenas ilustra como uma queda pode ser deslumbrante mesmo sendo uma queda.