04/02/2009

Toda novela sempre termina em casamento

Gen 2:24 Portanto deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á à sua mulher, e serão uma só carne.

Depois de meses desacreditando a instituição do casamento com exemplos que são tidos como falhos, e até nocivos à felicidade dos casais, toda novela sempre termina em casamento. Talvez para enfatizar o “casa-separa”, institucionalizado pela vulgarização do divórcio que é visto como a única solução para casamentos com problemas. Também são regadas a traições, violência familiar, a um feminismo vulgar de mulheres sem juízo que destroem a própria casa e a um machismo de maridos caricatos e maniqueístas.

Com isso tudo porque sempre acabam em casamento? Porque não é bom que o ser humano (homem e mulher) viva só, como já nos diz a Bíblia a milhares de anos. Mesmo aqueles que vivem no pecado negando a necessidade de uma família estruturada, constante, solidária, nos moldes cristãos sonham com uma família assim e celebram o clímax de suas obras televisivas com o que todos sabem que é a vontade de Deus, pois sentem em suas consciências e em seus corações. Deus nos faz sentir isso através de seu Espírito, mas alguns preferem entregar-se às meras sensações animais, que são dom de Deus para enriquecer a experiência humana e não para transformar-se em falsa justificativa para o pecado que promete também falsa felicidade.

Qual é a voz que temos ouvido? De roteiristas, diretores, atores sem Deus? Ou a voz de Deus através da Bíblia Sagrada que nos mostra o verdadeiro caminho a seguir?