19/10/2008

Agrada-te do Senhor

“Deleita-te também no Senhor, e ele te concederá o que deseja o teu coração.” (Salmo 37:4)

O Senhor concederá o desejo de nosso coração? Isso pode ser perigoso! E poderia ser mesmo se não fosse colocada uma condição para Deus atender o desejo de nosso coração, isto é, ter prazer em servir a Ele, meditar e obedecer à sua Palavra, aceitar a Cristo como único e suficiente Salvador, isto é, deleitar-se no Senhor.

Via de regra as pessoas que se afastam de Deus tem desejos que atendem seus próprios interesses, e Deus, na sua onisciência, sabendo disso não promete atender os desejos do coração de todos, mas daqueles que se agradam de andar em seus caminhos.

O que deseja o seu coração? É algo que está de acordo com os planos de Deus? É algo que pode agradar a Deus? Meditemos no que desejamos e como o desejamos para que possamos ouvir a resposta de Deus sem ceder aos desejos enganos do coração humano.

Pro 16.1,2  Ao homem pertencem os planos do coração; mas a resposta da língua é do Senhor.  Todos os caminhos do homem são limpos aos seus olhos; mas o Senhor pesa os espíritos.

 

Meu coração deseja; Com tanta força que não sei mais Se quem deseja é ele ou eu. Fico perdido nessa peleja Como cego em outros arraiais Sem saber por que Deus não me atendeu.

Meu desejo aos meus olhos Parece sempre ser o melhor Mas de tão espiritualmente cego desejando Sigo pelo caminho pior.

Vou mudar de direção E deleitar-me no Senhor Fazer Dele minha força e minha canção, Colocar meu desejo a seu penhor Para Ele habitar meu coração Pois com certeza não vem em vão Um falar cheio do Espírito de Deus.