05/04/2008

NÃO OLHES PARA OS LADOS

Poema baseado Salmo 37, lido na reunião de oração na casa do irmão Jeremias em 1º de Abril. pela Igreja Batista Central em Trindade. Apesar do leve toque de humor há uma mensagem profunda, prática e espiritual neste texto. Apeio meu burro. Olho pra um lado, olho pro outro eis que os hipócritas e malfeitores estão prosperando! E eu que faço tudo certinho, não tenho nem um carro! Ando de burro! Porque tudo é mais difícil para o servo de Deus? Mas o meu burro, que não era burro, era jumenta, como na história de Balaão, me falou olhando com os dentes arreganhados: Olha pra frente matuto! Onde já se viu ficar medindo o roçado pra pegar entusiasmo? Se fizeres isso vais fincar sua enxada no aceiro e nunca mais tira ela de lá. Confia no Senhor e faze o bem! Seu alimento deve ser a verdade. Confia no Senhor e faze o bem! Ele te satisfará como nenhum outro. Confia no Senhor e faze o bem! Descansa e espera nele e não olhes para os malfeitores, para que não sigas os seus caminhos. Ouvi aquilo pasmado e pensei: esse burro até que não é burro! E fiz o que diz a Palavra de Deus: Olhei para frente, para o alvo da suprema vocação, que é Cristo, Fiz o bem para mim, fazendo para o próximo, e recebi de Deus o entendimento que ainda não tinha alcançado para minha vidaporque perdi muito tempo sendo burro demais.