16/08/2006

O prazer do servo de Deus

O Salmo 1 nos mostra qual deve ser o prazer do servo de Deus: meditar em Sua Palavra dia e noite - o cristão não encontra prazer naquilo que outros veem como prazeroso, divertido e desejável, mas sim, na vontade de Deus.
Pode parecer estranho para alguns, mas o motivo desta realidade é um só: a satisfação. O mundo oferece conselhos, caminhos e assuntos que não satisfazem ao homem, e em decorrência disso ele está sempre em busca de mais e mais num ciclo sem fim. Ao contrário disso, Deus nos oferece uma satisfação completa pois seu conselho é perfeito, seu caminho nos conduz a vida, e sua Palavra é a verdade. É triste quando vemos cristãos se encantando com os apelos do mundo que não tem nada a nos oferecer, e que não podem satisfazer. Conhecemos a verdadeira fonte de satisfação e, mesmo assim, nos desviamos dela num momento ou outro. Atentemos para o Salmo em questão que diz que nosso prazer é meditar na "lei do Senhor de dia e de noite", isso significa uma constante vigilancia, não pesada pois Jesus já carregou nosso fardo, mas responsável como mordomos das coisas que Deus nos confiou. Sejamos responsáveis por manter visível e real, em nós, a satisfação que só Cristo pode dar. Essa satisfação é o que chama a atenção em nosso testemunho como Cristãos,mas se nossa satisfação for parecida com a do mundo, não existirá testemunho por mais impressionante que ele seja.